História da SAMJU

26/12/2015 Samju
 

A SAMJU - Associação Comunitária Amigos de Juquehy foi fundada em 6 de junho de 1976, quando Juquehy tinha apenas 127 casas e uma população fixa de 585 pessoas. Desde então, luta pela preservação do meio ambiente, da região, e pela qualidade de vida e segurança da comunidade local e veranistas.

Toda a beleza natural que cerca a praia tem sido alvo de esforços dessa associação, que conta com a coragem e firmeza de suas diretorias por uma Juquehy de praias limpas, águas puras, natureza preservada e condições de vida favoráveis.

O trabalho voluntário dessas pessoas foi o que, provavelmente, levou você a escolher Juquehy como a sua praia, mas talvez você não saiba porque a SAMJU é tão importante para a população de Juquehy. Talvez você não saiba tudo o que a SAMJU fez e ainda faz por você:

  • Em 1978, a SAMJU inaugurou seu prédio sede, em que abrigava os postos médico e policial, inteiramente equipados. Doou a primeira ambulância e os primeiros carros da Polícia Militar de Juquehy, além de ter sido responsável pelos primeiros salários do médico e da enfermeira contratados para o Posto de Saúde, até o momento em que a Prefeitura absorveu tal responsabilidade.
  • Logo depois, a SAMJU instalou um telefone operado por rádio. Na época, o único entre Bertioga e São Sebastião. A associação contratou uma telefonista e alguns meninos que levavam os recados telefônicos às casas, de bicicleta.
  • Em 1984, começou a luta da SAMJU pela rede de esgotos de Juquehy, que durou 18 anos. Sem contar a luta contra o loteamento da Promarca, que comprometeria a paisagem do morro entre Juquehy e Barra do Una. Processo que durou 10 anos até obter sucesso, impedindo a ação.
  • Contratação de fiscais de praia, em 1986, para conscientizar a população a não jogar lixo nas areias e não levar cães à praia. Até hoje, a SAMJU se compromete com a limpeza e promove campanhas contra cachorros soltos na praia, além de campanhas de castração de cães e gatos, duas vezes ao ano.
  • Reivindicação de um posto da Polícia Ambiental em Juquehy, em 1987.
  • Construção do portal de entrada, equipado com câmera de segurança e vigilante 24 horas, nos 7 dias da semana.
  • Manutenção de guarda-vidas na praia, nos finais de semana e feriados.
  • Organização de cursos gratuitos de formação e qualificação de mão de obra e de língua inglesa para a comunidade.
  • Criação e distribuição de jornal próprio, com notícias sobre as ações da associação e sobre os acontecimentos de Juquehy.


A SAMJU só quer o bem de Juquehy; o lugar que é a casa de alguns, o paraíso de muitos e o patrimônio de todos. E para todos. Por isso, a SAMJU continua lutando e conta com você para ajudá-la.

SAMJU. Quem ama, preserva Juquehy.